• Marilia Naspolini Studio

Você realmente pode ter engordado


Você sabe a diferença entre engordar e ganhar peso?

Agora que você já sabe que nosso corpo é constituído de massa magra e massa gorda, fica mais fácil explicar.

“Ganhar peso” é uma expressão generalista, já que não especifica o aumento do número da balança. Os quilos a mais podem ser de músculo, gordura, retenção líquida, entre outras coisas.

Já quando falamos em “engordar”, estamos nos referindo especificamente à massa gorda. E, mesmo que você esteja se exercitando religiosamente, pode sim ter engordado, se não estiver atenta à:

#1: Quantidade de comida ingerida

– Vou pegar só um pouquinho pra experimentar!

Muitas pessoas começam a engordar justamente depois que passam a fazer atividade física.

Na verdade, esse é um erro clássico de quem começa a treinar.

Sob a prerrogativa de estarem se exercitando, muita gente acredita que tem passe livre para comer o que bem quiser.

Claro que a prática de exercícios físicos faz você queimar mais calorias e acaba aumentando o apetite, mas comer tudo que vê pela frente vai fazer com que você engorde e se frustre com as horas “perdidas” na academia.

“Ah, mas eu malho é pra poder comer mesmo”, alguns argumentam.

Ok, mas não se engane: não há malhação que compense excessos alimentares diários. Sem contar o fato de você obter resultados muito mais expressivos se alimentando da maneira correta.

A solução é manter as quantidades sob controle e apostar na qualidade.

Ao comer os alimentos certos (e isso inclui alguns tipos de gordura), você consegue controlar sua fome, a vontade de comer doce e enfim consegue os resultado esperados.

Isso é muito mais efetivo que ficar contando calorias!

#2: Qualidade de comida ingerida

Treino e alimentação saudável caminham lado a lado, um sempre potencializa o efeito do outro.

E pode ter certeza que para nós mulheres isso é ainda mais verdadeiro.

Muito se fala do que comer antes e depois do treino, mas tudo que você ingere durante o dia deve ser levado em consideração.

Comer batata doce antes de malhar pode ser ótimo, mas você joga seu objetivo por água abaixo quando todo dia come uma sobremesa cheia de açúcar depois do almoço, por exemplo.

E a pessoa mais indicada para cuidar da sua alimentação não são seus pais, seus amigos, perfis de redes sociais, muito menos a sua avó.

A pessoa mais indicada é uma nutricionista! É ela que vai indicar o melhor planejamento alimentar de acordo com as suas necessidades e objetivos, levando em conta suas particularidades.

Além disso, um bom profissional vai sugerir opções variadas para que você não caia na armadilha de uma dieta monótona e sem graça. Afinal, haja paciência para comer frango com batata doce todo santo dia, né?

Seja o seu objetivo ganhar massa magra ou perder gordura, a escolha dos alimentos corretos, nas horas corretas, vai melhorar não só sua silhueta, mas também a sua saúde, sua performance, sua força e, consequentemente, sua autoestima.

Quando se trata de nutrição e saúde, existem poucas questões unânimes. Mas uma coisa é certa: cada pessoa é única, e o que serve para um nem sempre vai servir para o outro, por isso é primordial ter um profissional capacitado auxiliando você na jornada rumo a uma vida mais saudável.

Além disso, para saber se você está no caminho certo, é preciso se autoavaliar e ser avaliada constantemente.

Venha conhecer o Programa NA MEDIDA.

Fonte: Guia da Boa forma

#engorda #engordei #dieta #diet #emagrece #emagrecerbraços #emagrecer #emagrecimento

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo