• Marilia Naspolini Studio

Não foque em um número na balança


Composição corporal é o que nos permite saber do que exatamente nosso organismo é constituído. Sua avaliação nos possibilita quantificar os principais componentes do corpo humano, como ossos, músculos, gordura e outras partes vitais.

Essa medida varia de pessoa para pessoa de acordo com a idade, o sexo e o estado físico e, como você já deve ter ouvido falar algumas vezes, a água é o composto mais abundante nos diferentes casos.

Mas o que a gente precisa saber exatamente?

Do ponto de vista funcional e de performance, a composição corporal é dividida em dois grupos: massa magra (livre de gordura e constituída por proteínas, água intra e extracelular e conteúdo mineral ósseo) e massa gorda.

Sendo assim, medir sua massa corporal (seu peso) na balança não é a melhor forma de avaliar seu progresso, já que uma balança comum não é capaz de identificar quanto você possui de massa gorda e massa magra.

Músculo e gordura possuem densidades diferentes. A gordura ocupa mais espaço que o músculo, além de dar uma aparência flácida ao corpo.

Ou seja, se você tem se dedicado aos treinos e feito dieta e mesmo assim o ponteiro da balança não sai do lugar ou até aumenta, não desanime: você pode, na verdade, estar desenvolvendo músculos.

E antes que você diga que esse não é seu objetivo ou que você não quer ficar “masculinizada”, talvez se interesse em saber que a musculatura é um tecido metabolicamente ativo, isto é, gasta energia constantemente apenas para se manter, mesmo que você esteja dormindo.

Cada quilograma adicional de músculo demanda aproximadamente 100 kcal por dia. É isso mesmo: 1kg a mais de músculo representa cerca de 100 kcal a mais no seu gasto diário!

Você pode imaginar isso ao final de uma semana? De um mês? De um ano?

Neste artigo, explico como a musculação não só pode ajudar no seu emagrecimento, como é, na verdade, muito mais efetiva que a maioria dos exercícios aeróbios, já que ajuda você a manter e construir músculos.

Ou seja, mesmo que seu objetivo seja emagrecer, você deve, no mínimo, manter sua massa magra e focar suas estratégias de treino e dieta para perder gordura.

Quando digo para focar suas estratégias em perder gordura, é porque boa parte dessas dieta da moda, super restritivas, até fazem com que você perca peso, mas não exatamente massa gorda, pelo contrário. E com cada vez menos músculos, a chance de você voltar a engordar é sempre maior.

Além disso, ciclos repetidos de ganho e perda de peso (o efeito sanfona) podem aumentar a capacidade do corpo de conservar energia, dificultando a perda de gordura.

Por isso, não se prenda a um mero número na balança. É claro que ele pode ser uma referência, mas para avaliar corretamente seu progresso é preciso saber sua composição corporal, isto é, seu percentual de massa magra e massa gorda.

Continue lendo nosso blog para descobrir as melhores formas de avaliar sua evolução, não cair em ciladas e se manter motivada com os resultados.

Fonte: www.mulher30.com.br

#balança #perderpeso #perdergordura #corpoperfeito #hipertrofia #hiit #HIIT #treino

539 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo